Imagem Larine Mello

Larine Mello

Eu sou a Lari, Enfermeira formada pela PUC-PR. Sou paulista do interior do estado, de uma cidade bem pequena chamada Ribeira. Mudei-me para Curitiba aos 17 anos, após ganhar uma bolsa de estudos. Na época, era tudo muito novo e eu com meu sotaque do interioorrr... rsrs passei alguns perrengues para me adaptar, mas Curitiba me acolheu muito bem.

Viver longe da família nunca foi fácil, mas aqui em Curitiba meus amigos se tornaram minha família e Deus na sua infinita bondade, sempre colocou pessoas maravilhosas ao meu lado, para tornar minha jornada mais leve. No meu tempo livre adoro me reunir com os amigos, com a família e cozinhar para todo mundo.

Na graduação, como boa neta de parteira que sou, sempre tive aptidão para saúde materno e infantil além de um pezinho na área de urgência e emergência que também achava incrível. Tive professores maravilhosos em todas as áreas, mas a obstetrícia acabou sendo minha escolha. Com exemplo de professoras que atuavam na linha de atendimento humanizado fui me deslumbrando pelo mundo do parto e decidi, no meu segundo ano da graduação, que essa seria a minha carreira.

Após concluir a graduação, me candidatei a Residência em Enfermagem Obstétrica na Maternidade Bairro Novo, lá foi onde o mundo da assistência humanizada floresceu pra mim, aprendi com enfermeiras incríveis a arte de partejar e de receber uma vida com respeito e dignidade e foi assim, durante as quase 6 mil horas dedicadas a obstetrícia nos dois anos da minha residência.

Ao concluir a Residência, iniciei com atendimentos ao pré-parto hospitalar e concomitante trabalhava na assistência em uma UTI neonatal. Em agosto de 2018, mais um sonho se tornava realidade: ingressar no mestrado, pois ser professora era um dos grandes desejos do meu coração. Para poder formar pessoas com embasamento científico e um olhar atento para humanização, a área escolhida foi a Bioética, uma área maravilhosa onde me senti livre para realizar pesquisas na linha da humanização e defender a assistência que acredito.
 
A partir da residência comecei a lecionar em instituições como convidada, como a PUCPR e Universidade Positivo, na formação de enfermeiros e especialistas em obstetrícia e em urgência e emergência. Por ter muita afinidade com a área de emergência também atuei na formação de profissionais bombeiros e socorristas nas disciplinas de emergências clínicas, obstétricas e neonatais nas instituições CADENAS e Força Vital.
Hoje sou a mais nova integrante da Equipe Quatro Apoios! Para mim é uma honra fazer parte desse legado e aprender tanto com esse grupo! Sempre admirei o trabalho pioneiro da equipe e me senti muito prestigiada ao ser convidada pela Aline Calça que foi minha professora na residência e alguém me ensinou muito do que sei.
 
Ao longo desses quatro anos de assistência foram mais de 400 famílias atendidas. Além da Assistência ao parto, há 3 anos atuo com consultoria em aleitamento materno sendo mais de 600 horas de atendimento em domicílio. Atender mulheres e famílias é uma grande responsabilidade: as marcas que deixamos na história deles serão eternas, e é por isso que acredito na assistência humanizada, com carinho, afeto, integralidade e individualidade. Atender parto para mim é um privilégio.

Ser enfermeira obstetra é ser o apoio que a mulher precisa em um momento tão vulnerável; é olhar nos olhos dela e saber exatamente o que ela precisa, é cuidar de cada uma, no seu íntimo com muito respeito, exaltando a força que o corpo feminino tem para dar conta de todos esses processos e estar ali numa retaguarda, sustentando ela pelo caminho da maternidade, recebendo uma vida com o calor e a dignidade que todo ser humano precisa.

<- Voltar